Período-Tracking Apps está compartilhando sua vida sexual com Facebook
CYBER NEWS

Período-Tracking Apps está compartilhando sua vida sexual com Facebook

Quanto exatamente Facebook sabe sobre nós?

Ninguém diria a penetração da rede social e seu impacto sobre nossas vidas. Mas nós compreender plenamente as quantidades de pessoal, informação altamente sensível que o Facebook se apodera?



Como é que Facebook Colete detalhes sobre a nossa vida íntima

De acordo com uma nova investigação marca realizado pela Privacy International, Facebook é mais provável ciente de quando estamos fazendo sexo. agradecidamente, A razão não é porque a rede social está espionando seus usuários, mas como consequência de aplicativos de rastreamento de época, também conhecido como aplicativos de menstruação.

Aplicativos menstruação não são apenas preocupado com os seus ciclos menstruais, Privacy International argumenta. Esses aplicativos também coletar informações sobre a saúde dos seus utilizadores, vida sexual, humor, tudo em troca de informá-los sobre o dia da menstruação. A natureza da informação recolhida é tão pessoal que a maioria das mulheres não vai compartilhar com os outros. Infelizmente, verifica-se que esses aplicativos de outro modo votos estão compartilhando esses dados com terceiros, incluindo Facebook.

relacionado: Facebook admite que dava acesso a dados do usuário para 61 As empresas de tecnologia

Como é o compartilhamento de informações acontecendo? Através SDK do Facebook para Android, que é utilizada por desenvolvedores de aplicativos para integrar seus produtos com a plataforma do Facebook. O SDK contém vários componentes principais, tais como análises, Publicidades, Conecte-se, kit conta, compartilhar, gráfico API, eventos de aplicativos, e links de aplicativos. O SDK também permite que aplicativos para integrar o Login com o recurso Facebook.

Maya por Plackal tecnologia, MIA por Mobapp Development Limited, Meu Período Controladores de Linchpin Saúde, Calculadora de Ovulação por pinkbird, e Mi Calendario pelo Grupo Família são algumas das aplicações que os pesquisadores analisaram.

Período Controladores de GP International LLC, em particular, did not appear to share any data with Facebook. The other apps, Contudo, turned out to be a little more indiscreet, Privacy International said.

Maya by Plackal Tech and MIA by Mobapp Development Limited conducted – at the time of the research – what we believe to be extensive sharing of sensitive personal data with third parties, incluindo Facebook.

The good news is that, after the researchers shared their report with Maya by Plackal Tech, the company removed both the Facebook core SDK and Analytics SDK from the application. The bad news is that the app, which has more than 5 million downloads on Google Play, still asks for a lot of personal information:

The problem is what you share won’t stay between you and Maya. Our traffic analysis reveals, first of all, that Maya informs Facebook when you open the app. There is already a lot of information Facebook can assume from that simple notification: that you are probably a woman, probably menstruating, possibly trying to have (or trying to avoid having) a baby.

The biggest privacy concern with this app is that “even though you are asked to agree to their privacy policy, Maya starts sharing data with Facebook before you get to agree to anything”. Information the app is collecting and sharing with Facebook includes highly sensitive medical data, including the use of contraception pills and mental condition.

relacionado: 2 Terceiros Apps Milhões expor de usuários do Facebook Registros

What about GDPR?

The first question to be asked regarding GDPR is whether the app is based in the European Union or if it offers services to EU citizens.




It should be noted that Plackal Tech, the company behind the Maya app, is located in India.

Contudo, it is serving EU users as it is available on the Google Play Store UK, which means that a UK user can download and use the app in the EU. Although they do not specifically mention use by EU users, the Terms and Privacy Policy of the app states that the app is available in India or in other jurisdictions (sic).

Finalmente, it is highly questionable whether this extensive data collection is strictly necessary for providing the service of a menstruation app. Além disso, this extensive data collection raises a series of questions regarding the compatibility of these apps with EU data protection law, Privacy International concluded.

Milena Dimitrova

Milena Dimitrova

Um escritor inspirado e gerenciador de conteúdo que foi com SensorsTechForum desde o início. Focada na privacidade do usuário e desenvolvimento de malware, ela acredita fortemente em um mundo onde a segurança cibernética desempenha um papel central. Se o senso comum não faz sentido, ela vai estar lá para tomar notas. Essas notas podem mais tarde se transformar em artigos! Siga Milena @Milenyim

mais Posts

Me siga:
Twitter

Deixe um comentário

seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

limite de tempo está esgotado. Recarregue CAPTCHA.

Compartilhar no Facebook Compartilhar
Carregando...
Compartilhar no Twitter chilrear
Carregando...
Compartilhar no Google Plus Compartilhar
Carregando...
Partilhar no Linkedin Compartilhar
Carregando...
Compartilhar no Digg Compartilhar
Compartilhar no Reddit Compartilhar
Carregando...
Partilhar no StumbleUpon Compartilhar
Carregando...